Porquê?

28 de outubro de 2008

Há coisas que acontecem e nem nós (autores da história) percebemos porque é que aconteceram. Simplesmente acontecem… e Mexem conosco, logo, mexem com as pessoas que nos rodeiam, que são simplesmente aquelas pessoas especiais que estão sempre lá. E são essas mesmas pessoas que magoamos, as mais importantes! A vida é tão irónica… chegamos a tratar melhor aqueles que nos são estranhos do que aqueles que nos são especiais.
Posso responder torto a um amigo (porque fez algo que não me agradou), mas se no mesmo momento um desconhecido for contra mim sem querer eu sorrio a dizer que não há qualquer problema “acontece!”.

Mas afinal…porque é que complicamos aquilo que é fácil? Porquê?

Porque é que se perdem pessoas assim tão facilmente?
Como é possível haver casos em que pessoas tão chegadas, às quais contámos tudo durante anos passem a ser estranhos?

Não quero chegar a velhinha a pensar nas amizades que perdi, mas sim nas que fui ganhando..
Não me deixem contar isso aos meus netinhos, simplesmente não quero.


P.S. – Sabes? Eu também nunca virei costas a um amigo… o amigo é que não percebeu que eu estava ao lado dele. Estava. Estou. E vou querer sempre estar.(tu percebeste)


[texto estranho e diferente este que deixei…mas tinha mesmo que ser…]

2 comentários:

  1. o amor é um lugar estranho... :)

    ResponderEliminar
  2. Francisco Carvalho02 novembro, 2008

    http://br.youtube.com/watch?v=ftZAZWLrWKo

    It's True!

    ResponderEliminar